RBO

 

 

 

 

 

 

Normas para Publicação - Instruções aos Autores

Instruções aos Autores

A Revista Brasileira de Ortopedia (RBO) é o órgão de publicação científica da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e se propõe a divulgar artigos que contribuam para o aperfeiçoamento e o desenvolvimento da prática, da pesquisa e do ensino da Ortopedia e de especialidades afins. Publicada bimestralmente nos meses de fevereiro, abril, junho, agosto, outubro e dezembro com absoluta regularidade desde sua primeira edição, em 1965. A revista recebe para publicação artigos para as seguintes seções: Artigos Originais, Artigos de Revisão, Artigos de Atualização, Relatos de casos, Notas Prévias, Notas Técnicas e Cartas ao Editor. Os artigos poderão ser escritos em Português, Espanhol ou Inglês. A revista é destinada a ortopedistas vinculados à SBOT, profissionais da área da saúde que se dedicam a atividades afins e ortopedistas de outros países. Seu título abreviado é Rev Bras Ortop e deve ser usado em bibliografias, notas de rodapé e em referências e legendas bibliográficas.

Peer-Review (Revisão por Pares)

O peer-review é um dos fatores que sustentam a qualidade de um veículo científico. No caso da RBO, a constituição de um corpo editorial formado, em sua maioria, por professores universitários permitiu um peer-review criterioso. Depois de recebidos, os artigos são remetidos a um técnico especializado em metodologia de trabalho científico e a três membros do conselho editorial que atuam na mesma área. Esses profissionais avaliam os trabalhos e os devolvem com seus pareceres. A avaliação é feita sob cinco aspectos: Grau de Prioridade para Publicação; Relevância do Trabalho; Qualidade Científica, Apresentação e Recomendação.

Todos os manuscritos, após aprovação pelos Editores, serão avaliados por revisores qualificados, sendo o anonimato garantido em todo o processo de julgamento (blinded peer-review, revisão por pares cega). Os artigos que não apresentarem mérito, contenham erros significativos de metodologia ou não se enquadrem à política editorial da revista serão rejeitados, não cabendo recurso. Os comentários dos revisores serão devolvidos aos autores para modificações no texto ou justificativa de sua conservação. Somente após aprovação final dos revisores e editores, os manuscritos serão encaminhados para publicação.

Copyright

Todas as declarações publicadas nos artigos são de inteira responsabilidade dos autores. Entretanto, todo material publicado se torna propriedade da Revista Brasileira de Ortopedia (RBO), que passa a reservar os direitos autorais. Os autores devem encaminhar à RBO por Fax (+55-11- 2137-5418) ou correio a declaração de transferência de direitos autorais, assinada por todos os coautores, assim que o manuscrito é submetido.

 

Tipo de Artigo
Resumo
Número de palavras(c)
Referências
Figuras
Tabelas
Original
Estruturado máx. 250 palavras
2.500
30
10
6
Revisão (a)
Não estruturado máx. 250 palavras
4.000
60
3
2
Atualização(a)
Não estruturado máx. 250 palavras
4.000
60
3
2
Relato de Caso
Não estruturado máx. 250 palavras
1.000
10
5
0
Nota Técnica
Não estruturado máx. 250 palavras
1.500
8
5
2
Carta ao Editor (b)
0
500
4
2
0
Editorial (a)
0
500
0
0
0
a publicadas a convite dos Editores.
b publicadas a critérios dos Editores com réplica, quando pertinente.
c excluindo resumo, referências, tabelas e fi guras.

 

Apresentação e submissão de manuscritos

A Revista Brasileira de Ortopedia (Rev Bras Ortop - ISSN 0102-3616) é uma publicação bimestral da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, com a finalidade publicar trabalhos originais de todas as especialidades da ortopedia. Os conceitos e declarações contidos nos trabalhos são de total responsabilidade dos autores.

Os artigos publicados na revista seguem os requisitos uniformes propostos pelo Comitê Internacional de Editores de Revistas Médicas, atualizados em outubro de 2004 e disponíveis no endereço eletrônico www.icmje.org. Os artigos que envolvam seres humanos ou animais de laboratório devem apresentar claramente a adesão às diretrizes apropriadas e a aprovação de seus protocolos pelos comitês institucionais. O artigo enviado deverá ser submetido, acompanhado de:

Author Agreement (Carta de Autorização para Publicação)

Carta assinada por todos os autores (máximo seis), autorizando sua publicação, declarando que o mesmo é inédito e que não foi ou está submetido para publicação em outro periódico.

Cover Letter (Carta de Apresentação)

Carta de apresentação do estudo destinada exclusivamente ao Editor

Manuscript (Manuscrito)

Arquivo completo do artigo com referências, preferencialmente com resumo e palavras-chave.

Figuras, Tabelas e Gráficos

Arquivos individuais enviados à parte.

Ao Author Agreement devem ser anexados

Declaração de Conflito de Interesse, quando pertinente, que, segundo Resolução do Conselho Federal de Medicina nº 1595/2000, veda que em artigo científico seja feita promoção ou propaganda de quaisquer produtos ou equipamentos comerciais.

Certificado de Aprovação do Trabalho pela Comissão de Ética em Pesquisa da Instituição em que o mesmo foi realizado.

Informações sobre eventuais fontes de financiamento da pesquisa.

Declaração de que os investigadores assinam documento de Consentimento Informado, quando o artigo tratar de pesquisa clínica com seres humanos. Toda pesquisa clínica ou experimental em humanos ou animais deve ser executada de acordo com a Declaração de Helsinki da Associação Médica Mundial (J Bone Joint Surg Am. 1997;79(7):1089-98).

Os artigos devem ser escritos em português, espanhol ou inglês.

 

Tipo de Artígo

A Revista Brasileira de Ortopedia recebe para publicação os seguintes tipos de manuscritos: Artigo Original, Atualização, Revisão, Relatos de Caso, Nota Técnica, Resenhas e Resumos, Cartas e Editorais.

Artigo Original

Descreve pesquisa experimental ou investigação clínica prospectiva ou retrospectiva, randomizada ou duplo cego. Deve ter: Título em português e inglês, Resumo em português e inglês estruturado em (Objetivo, Métodos, Resultados e Conclusão), Palavras-chave, Introdução, Materiais e Métodos, Resultados, Discussão, Conclusões e Referências.

Artigo de Atualização

Revisões do estado da arte sobre determinado tema, escrito por especialista a convite dos Editores. Deve ter Resumo em português e inglês com Palavras-chave, Título e Referências.

Relato de Caso

Deve ser informativo e não deve conter detalhes irrelevantes. Só serão aceitos os relatos de casos clínicos de interesse, quer pela raridade como entidade nosológica, ou ainda pela forma não usual de apresentação. Deve ter Resumo em português e inglês com Palavras-chave, Título e Referências.

Artigo de Revisão

Tem como finalidade examinar a bibliografia publicada sobre determinado assunto fazendo avaliação crítica e sistematizada da literatura sobre certo tema, além de apresentar conclusões importantes baseadas nessa literatura. Somente serão aceitos para publicação quando solicitados pelos Editores. Deve ter Resumo em português e inglês com Palavras-chave, Título e Referências.

Nota Técnica

Destina-se à divulgação de método de diagnóstico ou técnica cirúrgica experimental, novo instrumental cirúrgico, implante ortopédico, etc. Deve ter: Resumo em português e inglês com Título, Palavras-chave, Introdução Explicativa, Descrição do Método, do Material ou da Técnica, Comentários Finais e Referências.

Cartas ao Editor

Tem por objetivo comentar ou discutir trabalhos publicados na revista ou relatar pesquisas originais em andamento. É publicada a critério dos Editores, com a respectiva réplica quando pertinente.

Editorial

Escritos a convite, apresentando comentários de trabalhos relevantes da própria revista, pesquisas importantes publicadas ou comunicações dos editores de interesse para a especialidade.

Preparo dos manuscritos

  • A) Folha de Rosto (Title Page)
  • Título do artigo, em português e inglês, redigido com dez ou doze palavras, sem considerar artigos e preposições. O Título deve ser motivador e deve dar ideia dos objetivos e do conteúdo do trabalho;
  • Nome completo de cada autor (máximo seis), sem abreviaturas;
  •   Indicação da afiliação institucional de cada autor, separadamente com cidade, estado e país; com indicação numérica e sequencial, utilizando letras minúsculas sobrescritas. Se houver mais de uma afiliação institucional, indicar apenas a mais relevante;
  • As afiliações devem ser apresentadas em ordem hierárquica decrescente (p.e Universidade de São Paulo, Faculdade de Medicina, Departamento de Pediatria) e na língua original da instituição ou na versão em inglês quando a escrita não é latina (p.e: Johns Hopkins University, Universidade de São Paulo, Université Paris-Sorbonne).
  • Indicação da Instituição onde o trabalho foi realizado com cidade, estado e país;
  • Nome, endereço e e-mail do autor correspondente;
  • Fontes de auxílio à pesquisa (se houver);
  • Declaração de inexistência de conflitos de interesse.

Resumo e palavras-chave: Resumo e Palavras-chave, em português e inglês, com no máximo 250 palavras. Nos artigos originais, o Resumo deverá ser estruturado ressaltando os dados mais significativos do trabalho (Objetivo: Informar o porquê da pesquisa, ressaltando a sua motivação;

Métodos: Descrever sucintamente o material avaliado e o método empregado em sua avaliação;

Resultados: Descrever os achados relevantes com dados estatísticos e com a respectiva significância;

Conclusões: Relatar exclusivamente as principais conclusões). Para Relatos de Caso, Revisões ou Atualizações e Nota Prévia, o Resumo dispensa estruturação, mas exige Palavras-chave. Abaixo do resumo, especificar no mínimo três e no máximo dez Palavras-chave que definam o assunto do trabalho. As palavraschave, ou descritores, devem ser baseadas no DECS (Descritores em Ciências da Saúde), disponível no endereço eletrônico http://decs. bvs.br/; ou em MeSH (Medical Subject Headings), em www.nlm.nih. gov/mesh/MBrowser.html.

B) Texto (Manuscript)

Deverá obedecer rigorosamente a estrutura para cada categoria de manuscrito.
Em todas as categorias de manuscrito, a citação dos autores no texto deverá ser numérica e sequencial, utilizando algarismos arábicos entre colchetes. Preferencialmente com Resumo e palavras-chave repetidas.

Introdução: O autor deve justificar o porquê da realização do trabalho, descrevendo a relevância e o interesse do estudo. Poderá utilizar poucas (duas ou três) referências bibliográficas quando julgá-las necessárias para esclarecer a importância do trabalho.

O objetivo do trabalho deve estar explícito ao final da introdução, podendo o autor colocá-lo como título à parte

Material: Trata-se do objeto do estudo e, portanto, deve ser descrito com detalhes; neste item será apontada a origem dos pacientes, sua identificação, sua qualificação, os critérios de inclusão e exclusão. Enfim, o autor deverá definir, de forma clara, o grupo com o qual estará ou esteve trabalhando.

Métodos: O autor descreverá o procedimento que foi aplicado ou analisado no seu material, com detalhes. A descrição deve ser clara e suficiente para que outro pesquisador possa reproduzir ou dar continuidade ao estudo. Descrever a metodologia estatística empregada com detalhes suficientes para permitir que qualquer leitor com razoável conhecimento sobre o tema e o acesso aos dados originais possa verificar os resultados apresentados. Evitar o uso de termos imprecisos tais como: aleató- rio, normal, significativo, importante, aceitável, sem defini-los. A forma de aferir os resultados será descrevendo os parâmetros da literatura ou parâmetros próprios, ou seja, o que é bom, o que é regular etc., no conceito proposto pelos autores. A utilização da palavra significativa exige que o valor “p” seja relatado. A utilização da palavra correlação deve ser acompanhada do respectivo coeficiente.

Informação sobre o manejo da dor pós-operatório, tanto em humanos como em animais, deve ser relatada no texto (Resolução nº 196/96, do Ministéri)

Resultados: Apresentar os resultados em sequência lógica do texto, usando tabelas e ilustrações, se necessário. Não repetir no texto todos os dados constantes das tabelas e ou ilustrações. No texto, enfatizar ou resumir somente os dados importantes.

Discussão: Todos os itens do trabalho (introdução, material, métodos, resultados) devem ser discutidos e comparados com a literatura pertinente.

Conclusões: Devem ser baseadas nos resultados obtidos

Agradecimentos: Podem ser mencionadas colaborações de pessoas, instituições ou agradecimento por apoio financeiro, auxílios técnicos que mereçam reconhecimento mas não justificam a inclusão entre os autores.

Conflitos de interesse: Devem ser reproduzidos objetivamente quando houver, e, quando não houver, apresentar a declaração: “Os autores declaram não haver conflitos de interesse."

Referências: Devem ser atualizadas contendo, preferencialmente, os trabalhos mais relevantes publicados nos últimos cinco anos sobre o tema. Deve conter apenas trabalhos referidos no texto. Se pertinente, é recomendável incluir trabalhos publicados na RBO. As referências deverão ser numeradas consecutivamente, na ordem em que são citadas no texto, e identificadas com algarismos arábicos entre colchetes. A apresentação deverá seguir o formato denominado “Vancouver Style”, conforme modelos abaixo. Os títulos dos periódicos deverão ser abreviados de acordo com o estilo apresentado pela National Library of Medicine, disponível em “List of Journal Indexed in Index Medicus” no endereço eletrônico: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/entrez/query.fcgi?db=journals Para todas as referências, citar todos os autores até seis. Quando em número maior, citar os seis primeiros autores seguidos da expressão “et al.”

Artigos de Periódicos ou Revistas:

1) Borges JLP, Milani C, Kuwajima SS, Laredo Filho J. Tratamento da luxação congênita de quadril com suspensório de Pavlik e monitorização ultra-sonográfica. Rev Bras Ortop. 2002;37(1/2):5-12.
2)Bridwell KH, Anderson PA , Boden SD , Vaccaro AR , Wang JC. What’s new in spine surgery. J Bone Joint Surg Am. 2005;87(8):1892-901.

3)Schreurs BW, Zengerink M, Welten ML, van Kampen A, Slooff TJ. Bone impaction grafting and a cemented cup after acetabular fracture at 3-18 years. Clin Orthop Relat Res. 2005;(437):145-51

Livros: Baxter D. The foot and ankle in sport. St Louis: Mosby; 1995.

Capítulos de Livro: Johnson KA. Posterior tibial tendon. In: Baxter D. The foot and ankle in sport. St Louis: Mosby; 1995. p. 43-51..

Dissertações e Teses: Laredo Filho J. Contribuição ao estudo clí- nico-estatístico e genealógico-estatístico do pé torto congênito equinovaro [tese]. São Paulo: Universidade Federal de São Paulo. Escola Paulista de Medicina; 1968.

Publicações eletrônicas:

1)Lino Junior W, Belangero WD. Efeito do Hólmio YAG laser (Ho: YAG) sobre o tendão patelar de ratos após 12 e 24 semanas de seguimento. Acta Ortop Bras [periódico na Internet]. 2005 [citado 2005 Ago 27];13(2):[about 5p.]. Disponível em: http:// www.scielo.br/scielo .
2)Feller J. Anterior cruciate ligament rupture: is osteoarthritis inevitable? Br J Sports Med [serial on the Internet]. 2004 [cited 2005 Ago 27]; 38(4): [about 2 p.]. Available at: http://bjsm. bmjjournals.com/cgi/content/full/38/4/383

C) Tabelas e Figuras:

Tabelas:As tabelas devem ser numeradas por ordem de aparecimento no texto com números arábicos. Cada tabela deve ter um título e, se necessário, uma legenda explicativa. Os quadros e tabelas deverão ser enviados através de arquivos individuais (preferencialmente em Excel).

Figuras: A apresentação desse material pode ser em cores, sendo impresso em preto e branco, com legendas e respectivas numerações. As figuras deverão ser enviadas através de arquivos individuais (300 dpi). Mais detalhes em: http://www.elsevier. com/author-schemas/artwork-and-media-instructions. Enviar cada figura individual para o sistema. A(s) legenda(s) deve(m) ser incorporada(s) no final do texto no manuscrito após a listagem de referências. Não incluir figuras no texto. As figuras incluem todas as ilustrações, tais como fotografias, desenhos, mapas, grá- ficos, etc. e devem ser numeradas consecutivamente em algarismos arábicos. Fotos em preto e branco serão reproduzidas gratuitamente, mas o editor reserva o direito de estabelecer o limite razoável, quanto ao número delas, ou cobrar do autor a despesa decorrente do excesso. Fotos coloridas serão cobradas do autor

Abreviaturas e siglas: Devem sempre ser precedidas do nome completo quando citadas pela primeira vez no texto. No rodapé das figuras e tabelas devem sempre ser discriminados osignificado de abreviaturas, símbolos, outros sinais e informada a fonte:local onde a pesquisa foi realizada. Se as ilustrações já tiverem sidopublicadas, deverão vir acompanhadas de autorização porescrito do autor ou editor, constando a fonte de referência onde foipublicada. A RBO reserva o direito de não aceitar para avaliação os artigos que não preencham os critérios acima formulados.

Envio dos manuscritos: As submissões devem ser feitas on-line pelo link www.evise.com/evise/jrnl/RBO. É imprescindível o envio por fax ou correio da permissão para reprodução do material e as cartas com a aprovação de um Comitê de Ética da Instituição onde foi realizado o trabalho - quando referente a intervenções (diagnósticas ou terapêuticas) em seres humanos - e o Author Agreement, aquele assinado por todos os autores em que se afirme o ineditismo do trabalho (fax: +55 11 2137-5418)..

 



Todo o conteúdo do periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma
Creative Commons - Atribuição-Não Comercial - SemDerivações 4.0 Internacional.